Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 18 de janeiro de 2018.

Jornal do Comércio

Esportes

CORRIGIR

grêmio

Alterada em 18/01 às 16h32min

Renato Portaluppi e elenco do time principal se reapresentam no Grêmio

O técnico Renato Portaluppi e o elenco do time principal do Grêmio se reapresentaram na tarde desta quinta-feira, em Porto Alegre. Com baixas no grupo, em razão de transferências e contratos que chegaram ao fim, o grupo iniciará pré-temporada após ter férias nas últimas semanas, ao fim da disputa do Mundial de Clubes da Fifa.
A apresentação contou com a presença dos reforços do clube para este ano: Paulo Miranda, Thaciano, Alisson, Madson e Thonny. O primeiro, inclusive, foi titular na estreia da equipe no Campeonato Gaúcho na quarta, reforçando o time B - a expectativa é que a equipe principal jogue poucas partidas no Estadual.
Entre as baixas do elenco para este ano estão os atacantes Lucas Barrios e Fernandinho, o lateral Edílson, os zagueiros Rafael Thyere e Bruno Rodrigo, o volante Cristian. Já o meia-atacante Cícero e o atacante Jael aguardam pela renovação dos seus contratos. Mesmo assim, estiveram na reapresentação.
Os jogadores foram recebidos por discursos do presidente Romildo Bolzan Jr. e do técnico Renato Portaluppi. Eles exaltaram a temporada 2017, quando o time gaúcho se sagrou campeão da Copa Libertadores e foi vice no Mundial de Clubes, e projetaram novas conquistas para este ano.
Em tom bem-humorado, o treinador disse que não teve sossego no Rio de Janeiro, onde passou as férias, por causa do assédio, gerado pela grande temporada exibida pelo Grêmio em 2017. E afirmou esperar que os jogadores tenham "matado a sede" durante as férias.
CORRIGIR
Seja o primeiro a comentar esta notícia