Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 26 de janeiro de 2018.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Agronegócios

Notícia da edição impressa de 26/01/2018. Alterada em 26/01 às 07h47min

Abertura da colheita da oliva no Rio Grande do Sul será em março

Evento deve contar também com três estações demonstrativas sobre cultivo de oliveiras

Evento deve contar também com três estações demonstrativas sobre cultivo de oliveiras


/FERNANDO DIAS/SEAPI/DIVULGAÇÃO/JC
A 7ª abertura oficial da colheita da oliva está marcada para 2 de março, na propriedade Quinta Santa Júlia, de Fernando Schwanke, localizada nos municípios de Encruzilhada do Sul e Pantano Grande. A data e o local foram definidos em reunião nesta quinta-feira, por representantes de entidades do setor produtivo, o coordenador da Câmara Setorial da Olivicultura da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Irrigação, Paulo Lipp, o presidente do Instituto Brasileiro de Olivicultura (Ibraoliva), Eudes Marchetti, o prefeito em exercício de Pantano Grande, Ivan Trevisan, e o secretário da Agricultura de Encruzilhada do Sul, Danilo Cardoso.
Além da solenidade de abertura, com a presença de autoridades, o evento deve contar também com três estações demonstrativas, com apoio da Emater, para mostrar ao público como deve ser feito o planejamento e a escolha da área para a implantação de um olival, mudas e variedades disponíveis para comercialização e preparação, e correção do solo para a instalação do pomar. Também haverá espaço com estandes para empresas.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia