Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 09 de janeiro de 2018.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Fiscalização

Notícia da edição impressa de 09/01/2018. Alterada em 09/01 às 20h11min

Vigilância apreende uma tonelada de embutidos na Capital

A Vigilância de Alimentos da Secretaria Municipal de Saúde (EVA/SMS) apreendeu ontem 1,1 tonelada de queijo uruguaio sem procedência e embutidos com a data de vencimento raspada, configurando fraude.
De acordo com a médica veterinária Paula Marques Rivas, chefe da EVA/SMS, os produtos apresentavam características organolépticas alteradas - com alterações na cor, brilho, luz, odor e sabor. Em relação à conservação de alimentos, exames organolépticos são capazes de verificar se os produtos estão em boas condições para o consumo.
Os alimentos foram encontrados em uma distribuidora, que não possuía alvará de localização da Diretoria de Indústria e Comércio, da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (SMDE), nem alvará de saúde. A ação ocorreu em função de denúncia anônima, que levou os fiscais até à sede da distribuidora Queijinho Queijos e Frios, no bairro Partenon, em Porto Alegre. O proprietário da distribuidora foi encaminhado à Delegacia de Defesa do Consumidor (Decon).
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia