Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 28 de dezembro de 2017.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

operação lava jato

Notícia da edição impressa de 29/12/2017. Alterada em 28/12 às 21h00min

Doleiros de Sérgio Cabral no Uruguai são extraditados

Dois doleiros que operavam contas ligadas ao ex-governador Sérgio Cabral (PMDB) no Uruguai foram extraditados, nesta quinta-feira, para o Brasil. Vinícius Claret, conhecido com "Juca Bala", e Cláudio Souza, ou "Tony" ou "Peter", foram presos em 3 de março no Uruguai e, logo em seguida, denunciados pelo Ministério Público Federal no Rio de Janeiro por evasão de divisas, corrupção passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa. Eles já estão na Cadeia de Benfica, no Rio de Janeiro.
A extradição dos doleiros é a primeira no âmbito da Lava Jato e foi intermediada pela Secretaria de Cooperação Internacional da Procuradoria-Geral da República. "Juca Bala" e "Tony" são apontados como operadores financeiros da organização criminosa supostamente chefiada por Cabral. Entre 2003 e 2015, eles teriam movimentado ao menos US$ 85 milhões.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia
Doleiros de Sérgio Cabral no Uruguai são extraditados - Jornal do Comércio
Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 28 de dezembro de 2017.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

operação lava jato

Notícia da edição impressa de 29/12/2017. Alterada em 28/12 às 21h00min

Doleiros de Sérgio Cabral no Uruguai são extraditados

Dois doleiros que operavam contas ligadas ao ex-governador Sérgio Cabral (PMDB) no Uruguai foram extraditados, nesta quinta-feira, para o Brasil. Vinícius Claret, conhecido com "Juca Bala", e Cláudio Souza, ou "Tony" ou "Peter", foram presos em 3 de março no Uruguai e, logo em seguida, denunciados pelo Ministério Público Federal no Rio de Janeiro por evasão de divisas, corrupção passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa. Eles já estão na Cadeia de Benfica, no Rio de Janeiro.
A extradição dos doleiros é a primeira no âmbito da Lava Jato e foi intermediada pela Secretaria de Cooperação Internacional da Procuradoria-Geral da República. "Juca Bala" e "Tony" são apontados como operadores financeiros da organização criminosa supostamente chefiada por Cabral. Entre 2003 e 2015, eles teriam movimentado ao menos US$ 85 milhões.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia