Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 20 de dezembro de 2017.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

corrupção

Notícia da edição impressa de 21/12/2017. Alterada em 20/12 às 21h36min

Após ordem de prisão, Maluf se apresenta à polícia

O deputado Paulo Maluf (PP-SP), de 86 anos, se apresentou à Superintendência da Polícia Federal de São Paulo nesta quarta-feira, um dia após o ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinar o início do cumprimento de pena por lavagem de dinheiro.
Às 11h, Maluf deixou o local para fazer exame de corpo de delito no Instituto Médico Legal da Vila Leopoldina, também na zona Oeste da cidade. Lá, o parlamentar caminhou com dificuldade e precisou do auxílio de uma bengala.
A defesa de Maluf apresentou à Vara de Execuções Penais do Distrito Federal recurso para que o deputado permaneça em prisão domiciliar até que o caso seja julgado, alegando a idade de Maluf, as recentes sessões de radioterapias que o deputado fez no Hospital Sírio-Libanês para combater um câncer na próstata, limitação de movimento e problemas cardíacos.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia