Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 18 de dezembro de 2017.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

grêmio

Alterada em 18/12 às 11h53min

Renato Gaúcho vai direto para o Rio e renovação volta a ser debatida na terça

Empresário de Renato é esperado em Porto Alegre para retomar negociação de renovação

Empresário de Renato é esperado em Porto Alegre para retomar negociação de renovação


LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA/Divulgação/JC
Folhapress
Renato Gaúcho voltou ao Brasil antes do Grêmio e já está no Rio de Janeiro, onde curtirá suas férias. O técnico se antecipou ao regresso da delegação após o vice-campeonato do Mundial de Clubes, no Emirados Árabes Unidos. Seu empresário, Gerson Oldemburg, é esperado em Porto Alegre na terça-feira (19) para retomar negociação de renovação com a direção tricolor.
Ambas as partes mantém discursos semelhantes. Tanto Renato Gaúcho quanto o presidente Romildo Bolzan Júnior disseram, depois da derrota por 1 a 0 para o Real Madrid, que a ideia era ampliar a ligação dele ao clube por mais uma temporada. A negociação tende a não se arrastar muito, até pelo planejamento do ano que vem.
O representante de Renato regressou ao Rio de Janeiro com ele. Na terça-feira é aguardado em Porto Alegre para mais uma reunião cujo assunto será os detalhes finais da renovação de vínculo.
Campeão da Libertadores e da Copa do Brasil no Tricolor, Renato Gaúcho teve 41 vitórias, 18 empates e 20 derrotas no comando do Grêmio n última temporada.
A delegação do Grêmio retorna à capital gaúcha no início da tarde desta terça. Com jogadores liberados desde a passagem por São Paulo, apenas alguns estarão de volta.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia