Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 18 de dezembro de 2017.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Varejo

Alterada em 18/12 às 15h27min

Maioria dos gaúchos quer viajar nas férias e prefere praias do Litoral Norte

Litoral Norte lidera na preferência de 44% dos ouvidos, já 43% vão a praias em outros estados

Litoral Norte lidera na preferência de 44% dos ouvidos, já 43% vão a praias em outros estados


JOÃO MATTOS/ARQUIVO/JC
Férias é para viajar é o que pensa a maioria das pessoas ouvidas em pesquisa da Fecomércio-RS divulgada nesta segunda-feira (18). Segundo a federação, 51,9% das famílias pretendem aproveitam em programa fora de casa. A pesquisa foi realizada de 30 de outubro a 6 de novembro com 385 moradores de Caxias do Sul, Ijuí, Pelotas, Porto Alegre e Santa Maria. Já 48,1% ficarão em suas cidades nas férias. 
Entre os que vão sair, 60,5% planejam repetir os destinos das últimas férias, especialmente as praias do Litoral Norte (44%) e outros estados (43%). Apenas 9,5% pensam em ir a cidades do interior gaúcho e 2,5% podem viajar ao exterior. As praias gaúchas mais citadas como destino são Nova Tramandaí  (18,9%) e Torres (16,7%).
Outro detalhe é que 53,5% das pessoas que vão viajar ficarão em casa própria, de parentes ou amigos, enquanto 27,5% vão alugar casa ou apartamento e 17% ficarão em hotéis ou pousadas. O planejamento financeiro para as férias aponta que 40% dos ouvidos pretendem gastar R$ 1 mil, 33% esperam desembolsar entre R$ 1 mil e R$ 3 mil e outros 12% informaram que terão gastos acima de R$ 3 mil. 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia