Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 01 de dezembro de 2017.

Jornal do Comércio

Economia

CORRIGIR

Mercado Financeiro

01/12/2017 - 10h20min. Alterada em 01/12 às 10h21min

Taxas futuras de juros têm viés de baixa com dólar e PIB mais fraco

Os juros futuros exibem viés de baixa na manhã desta sexta-feira (1) no mercado doméstico. As taxas acompanham o enfraquecimento do dólar ante o real. Além disso, precificam o fraco Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro, que mostrou crescimento de 0,1% no terceiro trimestre em relação ao segundo trimestre deste ano, ficando perto do piso das estimativas que iam de estabilidade a um alta de 0,86%, com mediana positiva de 0,20%.
Às 10h, o DI para janeiro de 2019 estava em 7,10%, de 7,11% no ajuste de quinta-feira. O DI para janeiro de 2020 marcava 8,43%, na mínima, de 8,47% no ajuste anterior.
O DI para janeiro de 2021 exibia 9,36%, de 9,38%. No câmbio, o dólar à vista registrava nova mínima, aos R$ 3,2671 (-0,09%).
CORRIGIR
Seja o primeiro a comentar esta notícia