Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 26 de dezembro de 2017.

Jornal do Comércio

Cultura

COMENTAR | CORRIGIR

ACONTECE

Notícia da edição impressa de 27/12/2017. Alterada em 26/12 às 17h31min

Em clima de Natal, Quarta Cultural encerra programação em 2017

Espetáculo Os trovadores de Natal têm apresentação nesta quarta na Biblioteca do Sicredi

Espetáculo Os trovadores de Natal têm apresentação nesta quarta na Biblioteca do Sicredi


RAQUEL DURIGON/DIVULGAÇÃO/JC
A última edição da Quarta Cultural em 2017 tem como atração o espetáculo teatral Os trovadores de Natal. A montagem é de autoria do Grupo de Teatro De Pernas Pro Ar e reúne música, circo, teatro, poesia e humor, com início às 13h, na Biblioteca do Sicredi (Assis Brasil, 3.940). A entrada é franca.
Na apresentação, três personagens instrumentistas, inspirados nos cantores de serenatas, buscam trazer o espírito do Natal das brincadeiras e das cantigas natalinas por meio do som do violão, da gaita, da flauta e do serrote. Em quase 15 anos de trajetória, o espetáculo já foi assistido por quase 130 mil pessoas nos últimos seis anos e recebeu destaque no Natal Luz de Gramado.
Em atividade desde 1988, o Grupo de Teatro De Pernas Pro Ar possui um trabalho continuado em artes cênicas cuja proposta é de promover novas formas de se comunicar com o espaço urbano e com o público. Dirigido por Luciano Wieser, que é fundador com Raquel Durigon, o grupo se caracteriza pela estrutura familiar, muito comum nas famílias circenses e bonequeiras, na qual os pais passam para outras gerações o seu amor à arte.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia