Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 26 de novembro de 2017.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

campeonato brasileiro

Alterada em 26/11 às 22h02min

Bahia perde pênalti, Chapecoense vence e fica próximo do G-7

Folhapress
A Chapecoense ainda sonha com uma vaga na próxima Copa Libertadores e, neste domingo (26), deu um passo importante para conseguir isso. Mesmo fora de casa, o time catarinense bateu o Bahia por 1 a 0, com gol de Wellington Paulista. Agora a Chapecoense está em 9º lugar, com 51 pontos, dois a menos que o 7º colocado, Vasco.
Bahia e Chapecoense disputaram o primeiro tempo em um ritmo bem lento. O time catarinense criou poucas chances de gol e conseguiu marcar aos 42min, quando Wellington Paulista balançou a rede.
Mas no segundo tempo o Bahia "acordou" e criou pressão no ataque. Edigar Junio desperdiçou uma cobrança de pênalti. O goleiro Jandrei fez duas defesas difíceis. Então a Chapecoense conseguiu esfriar o jogo, conseguiu ficar mais tempo com a bola e correu menos riscos. Para piorar a situação do Bahia, Zé Rafael foi expulso aos 39min e praticamente acabou com qualquer chance de reação.
Se o Grêmio for campeão da Copa Libertadores, e o Flamengo vencer a Copa Sul-Americana, haverá um G-9 no Campeonato Brasileiro. Ou seja, até o 9º colocado conquistará uma vaga na Libertadores. Neste caso, a Chapecoense precisaria apenas vencer o próximo jogo para garantir a vaga na Libertadores de 2018.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia