Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 20 de novembro de 2017.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Campeonato brasileiro

19/11/2017 - 20h45min. Alterada em 20/11 às 01h58min

Vitória empata com o Cruzeiro e segue ameaçado de rebaixamento no Brasileirão

O Cruzeiro foi até Salvador e voltou para casa com um ponto suado na bagagem. Neste domingo (19), o time mineiro empatou com o Vitória por 1 a 1, no estádio Barradão, pela 36.ª e antepenúltima rodada do Campeonato Brasileiro. David e Alisson marcaram os gols do jogo. Com a classificação garantida à próxima Copa Libertadores por ser campeão da Copa do Brasil, o Cruzeiro segue entre os cinco melhores, com 56 pontos. O Vitória, por outro lado, segue como primeiro fora da zona de rebaixamento com 40 pontos, ainda correndo risco.
O time baiano aproveitou o fator casa para tentar fazer pressão e criou a primeira chance de gol aos três minutos. O goleiro Fábio teve que se lançar no meio da área para cortar cruzamento de David. Apesar da ameaça, o jogo seguiu equilibrado.
Em uma subida ao ataque, no entanto, os donos da casa conseguiram abrir o placar. Depois de troca de passes, Bryan tocou com a mão na bola e a arbitragem assinalou pênalti. Aos 20 minutos, David foi para a cobrança, não deu chances para Fábio e abriu o placar para o Vitória.
Atrás no marcador, o Cruzeiro foi para cima e assustou o adversário. Depois de tanto insistir, em jogada de bola área, Léo apareceu na segunda trave após desvio de Jonata, mas carimbou a trave. Logo em seguida, Henrique apareceu de surpresa no ataque após boa troca de passes e finalizou forte. A bola tocou no travessão e pingou no gramado. Os jogadores do time mineiro ficaram pedindo gol. Ainda antes do intervalo, Elber perdeu outra boa oportunidade de deixar tudo igual.
Na segunda etapa, o Cruzeiro manteve a mesma postura, mas encontrou mais dificuldades em chegar ao gol adversário por conta do esquema defensivo do Vitória. Mesmo assim, Bryan carimbou a trave em jogada de velocidade.
Nos contra-ataques, o Vitória teve espaço para chegar com perigo, sempre com David. Em uma delas, o atacante ganhou na velocidade de três marcadores do Cruzeiro e tentou por cobertura. A bola, no entanto, foi por cima do gol.
De tanto insistir, o Cruzeiro conseguiu empatar aos 30 minutos. Bryan cruzou à meia altura e Alisson, de peixinho, completou para o fundo das redes. Nos minutos finais, o Vitória tentou fazer pressão e chegou a assustar em cabeçada de André Lima. Mesmo assim o empate persistiu.
Os dois times voltam a campo no próximo domingo, às 17 horas. No estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, o Cruzeiro recebe o Vasco, enquanto que o Vitória encara a Ponte Preta, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP). Na última rodada, o time baiano joga em casa contra o Flamengo, enquanto que os cruzeirenses pegam o Botafogo como visitantes.
Vitória 1 x 1 Cruzeiro
Fernando Miguel; Patric, Kanu, Wallace e Geferson; José Welison, Fillipe Soutto (Ramon) e Uillian Correia (Neilton); Yago (André Lima); Tréllez e David. Técnico: Vagner Mancini.
Fabio; Rafael Galhardo (Judivan), Léo, Murilo e Bryan; Henrique, Lucas Romero, Rafinha (Messidoro), Arrascaeta e Alisson; Jonata (Elber). Técnico: Mano Menezes.
Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (Fifa/SP).
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia