Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 18 de outubro de 2017.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Agronegócios

Alterada em 18/10 às 17h19min

JBS paralisa atividades de sete unidades após bloqueio de R$ 730 milhões

Agência O Globo
A empresa de alimentos JBS informou nesta quarta-feira que paralisou as atividades de compra e abate em suas sete unidades de carne bovina em Mato Grosso do Sul por tempo indeterminado, após a Justiça bloquear R$ 730 milhões devido a questões tributárias no Estado.
Segunda a empresa, a paralisação das atividades em Mato Grosso do Sul, um dos maiores Estados produtores de gado do Brasil, ocorre devido a uma "insegurança jurídica" após dois pedidos de bloqueio de recursos feitos por uma Comissão Parlamentar de Inquérito da Assembleia Legislativa, que somaram R$ 730 milhões por supostos prejuízos fiscais causados ao Estado.
A assessoria de imprensa da JBS afirmou que a companhia entende que qualquer questão relacionada a ressarcimento de recursos por supostas irregularidades está coberto pelo acordo bilionário de leniência realizado pela holding do grupo, a J&F.
Parte dos recursos bloqueados são detidos pela J&F, acrescentou a assessoria. 
As ações da empresa operavam em leve baixa de 0,24 por cento, às 10:36.
De acordo com a companhia, os colaboradores continuarão recebendo seus salários normalmente até que a companhia tenha uma definição sobre a questão em Mato Grosso do Sul.
"A JBS esclarece que está empenhando seus melhores esforços para a manutenção da normalidade das suas operações e trabalha para proteger seus 15 mil colaboradores diretos e 60 mil indiretos em Mato Grosso do Sul", disse a empresa.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia