Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 05 de outubro de 2017. Atualizado às 22h55.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Mercado de Capitais

Notícia da edição impressa de 06/10/2017. Alterada em 05/10 às 20h51min

Após cinco quedas, dólar à vista fecha com cotação em alta de 0,54%

O dólar subiu com força ante o real nesta tarde de quinta-feira, após operar em margens estreitas pela manhã, diante do fortalecimento generalizando da moeda no exterior em meio à expectativa com dados de empregos nos EUA, e cautela política diante do imbróglio envolvendo a relatoria do tucano Bonifácio de Andrada (MG) à frente da segunda denúncia contra o presidente Michel Temer na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). Além disso, foi observada também recomposição acentuada de posições, após o dólar bater mínimas em R$ 3,12.
No mercado à vista, o dólar fechou em alta de 0,54%, aos R$ 3,1497. O giro financeiro movimentado somou US$ 1,01 bilhão. Já no mercado futuro, a moeda norte-americana para o mês de novembro subiu 0,56%, cotada aos R$ 3,1645. O giro financeiro registrado na sessão totalizou US$ 16,43 bilhões.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia