Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 05 de outubro de 2017. Atualizado às 08h05.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

mercado financeiro

Alterada em 05/10 às 08h09min

Com liquidez reduzida, bolsas da Ásia e Pacífico fecham sem direção única

As bolsas da Ásia e do Pacífico fecharam sem direção única nesta quinta-feira (5), após operarem com liquidez reduzida em meio a feriados na China, Coreia do Sul e Hong Kong.
Ontem, os índices acionários de Nova Iorque atingiram níveis recordes pelo terceiro pregão seguido, na esteira de dados positivos da economia dos EUA, mas exibiram ganhos apenas marginais.
Em Tóquio, o índice japonês Nikkei ficou praticamente estável hoje, com ligeira alta de 0,01%, a 20.628,56 pontos, à medida que o iene pouco variou em relação ao dólar durante a madrugada.
No mercado de Taiwan, que ontem não operou devido a um feriado, o Taiex ficou no azul pela terceira sessão consecutiva, com alta de 0,47%, a 10.518,27 pontos, impulsionado por ações de tecnologia e da China Airlines, maior companhia aérea da ilha. Já em Manila, o filipino PSEi recuou 0,60%, a 8.294,01 pontos.
Na Oceania, a bolsa australiana mostrou estabilidade, com leve baixa de 0,01% do S&P/ASX, que terminou os negócios em Sydney a 5.651,80 pontos. Foi a terceira sessão negativa do índice, que está no menor patamar em oito meses.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia