Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 15 de outubro de 2017. Atualizado às 19h36.

Jornal do Comércio

Cultura

COMENTAR | CORRIGIR

acontece

Notícia da edição impressa de 16/10/2017. Alterada em 13/10 às 16h50min

Festival de cinema promove reflexão sobre infância e juventude

Boyhood - da infância à juventude integra grade do Cine Caramelo

Boyhood - da infância à juventude integra grade do Cine Caramelo


UNIVERSAL PICTURES/DIVULGAÇÃO/JC
Começa hoje, na Sala Redenção (av. Engenheiro Luiz Englert, s/nº) o Cine Caramelo - Festival Infantojuvenil de Cinema. Em sua quarta edição, a mostra de filmes promove reflexão sobre temas da infância e da juventude por meio de uma seleção de longas e curtas-metragens. A programação é gratuita.
A temática deste ano aborda as mudanças e as transformações da vida de crianças e jovens, seja através de ritos de passagem ou de desafiadoras jornadas de superação e amadurecimento. Para isso, a lista de filmes traz produções premiadas no Brasil, Alemanha, França, Bélgica e Estados Unidos.
Entre os trabalhos, estão Festa no céu; a animação Caminho dos gigantes; o anime O serviço de entregas da Kiki; o documentário em média-metragem Pense grande; as ficções Boyhood - da infância à juventude e Mãe só há uma; o curta Meninos e reis; Terreiros do brincar e o documentário Nunca me sonharam, entre outros títulos.
Na quarta-feira, haverá também uma sessão comentada após a exibição do filme A família Dionti, de Alan Minas, com a presença do escritor, músico e diretor de teatro Claudio Levitan. As atrações podem ser conferidas no site do festival ou diariamente na grade de cinema do Jornal do Comércio.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia