Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 29 de setembro de 2017. Atualizado às 20h06.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

crise no planalto

Alterada em 29/09 às 20h07min

Ministro do STJ faz enquete sobre intervenção militar no Brasil

O ministro Og Fernandes, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), abriu uma consulta pública inusitada em sua conta no Twitter. "Vc é o juiz: o Brasil deve sofrer intervenção militar?"
Responderam à pesquisa do magistrado 37.077 internautas. Desse universo, 49% disseram "Sim" a uma intervenção. E 51% rechaçaram a volta dos tanques às ruas.
Og é ministro do STJ desde 2008. Ele é graduado em Direito pela Universidade Federal de Pernambuco e em jornalismo pela Universidade Católica em 1974.
Entre 1973 e 1981 - era o auge da repressão militar no País, governos dos generais Emílio Médici, Ernesto Geisel e João Figueiredo - ele foi repórter do jornal Diário de Pernambuco.
Em 1975 foi professor auxiliar de história no Colégio Militar do Recife.
Exerceu a advocacia na área criminal de 1977 a 1981. Foi assessor de gabinete da Secretaria da Justiça de Pernambuco em 1978 e assessor jurídico do sistema penitenciário do Estado.
Ingressou na magistratura em 1981. Em 1997 foi promovido a desembargador do Tribunal de Justiça de Pernambuco, Corte que presidiu em 2008 - naquele ano foi nomeado ministro do STJ.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia