Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 29 de setembro de 2017. Atualizado às 18h16.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

operação lava jato

Alterada em 29/09 às 18h19min

Áudios obtidos por 'Veja' foram entregues à PF antes da delação, diz nota da J&F

A J&F informou em nota que os áudios obtidos pela revista "Veja", e relatados em reportagem que saiu nesta sexta-feira (29), estavam entre as gravações entregues à Polícia Federal ainda antes do acordo de delação, mas eram mantidos sob sigilo pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin. As gravações não estão entre as que foram entregues acidentalmente à PGR pelos executivos da empresas e não são mais recentes que as demais já divulgadas, diz a nota publicada pela revista.
O texto informa que o material estava sob a guarda de Fachin, com sigilo decretado por se tratar de diálogos entre advogados e clientes, e havia sido considerado quando o acordo de delação dos executivos da JBS foi homologado.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia