Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 18 de setembro de 2017. Atualizado às 14h12.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

Relações internacionais

Alterada em 18/09 às 14h16min

Temer embarca para os EUA, onde terá jantar com Trump e discursará na ONU

Agência Brasil
O presidente Michel Temer embarcou na manhã de hoje (18) para os Estados Unidos, onde participa de jantar com o presidente do país, Donald Trump, e fará o discurso de abertura da Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU). Com a viagem de Temer, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, assume temporariamente a presidência da República.
Ainda hoje, em Nova Iorque, Temer será recebido por Trump para o jantar. Também devem participar os presidentes da Colômbia, Juan Manuel Santos, e do Panamá, Juan Carlos Varela, e a vice-presidente da Argentina, Gabriela Michetti. A crise na Venezuela deve ser um dos temas a serem tratados pelos presidentes.
Amanhã (19), Temer fará o discurso de abertura da 72ª Assembleia Geral da ONU, seguindo a tradição da organização de que o Brasil é o primeiro a ter palavra desde 1947. Será a segunda vez que Temer discursará na abertura do evento das Nações Unidas. No ano passado, ele reiterou o compromisso "inegociável" do Brasil com a democracia e abordou alguns conflitos internacionais, como o entre Israel e Palestina e a guerra da Síria.
A previsão é que na quarta-feira (20) Temer volte à ONU para participar de cerimônia de assinatura do Tratado de Proibição de Armas Nucleares. Em seguida, a previsão é que ele e o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, participem de um seminário promovido pelo jornal Financial Times, onde devem falar sobre oportunidades de investimento no Brasil. No mesmo dia, o presidente embarca de volta ao Brasil.
Os ministros da Secretaria-Geral da Presidência, Moreira Franco, da Justiça, Torquato Jardim, e de Minas e Energia, Fernando Coelho, embarcaram para os Estados Unidos hoje com Temer. Outros ministros também vão integrar a comitiva presidencial, entre eles o das Relações Exteriores, Aloysio Nunes.
A agenda de Rodrigo Maia na Presidência começa nesta tarde quando recebe, no Palácio do Planalto, o embaixador do Paraguai, Manuel Maria Cáceres, às 15h. Em seguida, Maia tem reuniões com o secretário municipal de Governo de Saquarema (RJ), Antonio Peres Alves, e com o ministro da Cultura, Sérgio Sá Leite.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia