Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 08 de setembro de 2017. Atualizado às 17h54.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

relações internacionais

04/09/2017 - 19h34min. Alterada em 04/09 às 19h34min

Brasil diz ter recebido 'com satisfação' cessar-fogo na Colômbia

O governo brasileiro informou em nota haver recebido "com satisfação" a notícia que o governo da Colômbia e o Exército de Libertação Nacional (ELN) anunciaram um cessar-fogo bilateral e provisório. A expectativa é de que a convergência cresça.
Desde fevereiro, o Brasil atua como "garante", uma espécie de intermediário nas negociações de paz entre o governo em Bogotá e o ELN. Também atuam nessa condição a Noruega, a Venezuela, o Chile, o Equador e Cuba.
"A esperada conclusão de um acordo definitivo entre as autoridades colombianas e o ELN consolidaria o processo de pacificação do país, que tem recebido o decidido apoio do Brasil e da comunidade internacional", conclui a nota divulgada há pouco pelo Ministério das Relações Exteriores.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia