Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 08 de setembro de 2017. Atualizado às 19h14.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

eliminatórias da copa

06/09/2017 - 17h25min. Alterada em 06/09 às 17h25min

Fifa anula jogo das Eliminatórias e remarca África do Sul x Senegal para novembro

A Fifa anunciou nesta quarta-feira que África do Sul e Senegal terão que se enfrentar novamente, pelas Eliminatórias Africanas da Copa do Mundo de 2018, que será na Rússia, por conta da condenação do árbitro da partida, o ganês Joseph Lamptey, por manipulação de resultados. O novo jogo será disputado em novembro.
A entidade máxima do futebol mundial decidiu pela nova disputa depois que a Corte Arbitral do Esporte (CAS, na sigla em inglês) confirmou sentença inicial do Comitê Disciplinar e de Apelações da própria Fifa, impondo o banimento do árbitro de Gana.
Joseph Lamptey conduziu uma polêmica arbitragem no jogo disputado no dia 12 de novembro do ano passado ao marcar um pênalti em favor da África do Sul, que venceu o jogo por 2 a 1. Ele anotou toque de mão da defesa senegalesa, quando as câmeras de TV mostraram claramente que a bola passou longe e atingiu a perna do jogador. Foi a única vitória da seleção sul-africana na atual fase das Eliminatórias da África.
Por conta da performance questionável naquele confronto, Joseph Lamptey foi suspenso em definitivo pela Fifa em março deste ano. Agora a CAS manteve a decisão, encerrando a carreira do árbitro no futebol profissional.
A data do novo jogo ainda será definido pela Fifa. Com a anulação da partida disputada em novembro passado, o Grupo D poderá sofrer reviravoltas, em caso de vitória de Senegal. A seleção alcançará a liderança da chave se vencer a nova partida contra a África do Sul.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia