Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 18 de setembro de 2017. Atualizado às 22h47.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Consumo

Notícia da edição impressa de 19/09/2017. Alterada em 18/09 às 20h13min

Nordeste é o destino preferido por quem vai viajar, diz MTur

Campanha quer destacar os atrativos dos estados do Sul do País

Campanha quer destacar os atrativos dos estados do Sul do País


/NORBERTO DUARTE/AFP/JC
Os estados do Nordeste deverão ser os mais visitados do País nos próximos seis meses. A região foi indicada como destino de 50,7% dos brasileiros que pretendem viajar no período, segundo pesquisa do Ministério do Turismo (MTur), realizada em agosto. Os estados do Sul devem receber 18,5% dos potenciais viajantes, ficando em segundo lugar na preferência do turista doméstico.
"O Brasil tem um enorme potencial para receber turistas o ano todo. Temos opções de sol e praia, turismo de natureza, gastronomia, cultura. No Ministério do Turismo, temos investido em promoção, melhoria da infraestrutura e qualificação da força de trabalho para apoiar os estados a receber cada vez melhor os turistas", disse o ministro do Turismo, Marx Beltrão.
Pela primeira vez em 11 meses, o Sul supera o Sudeste como destino de preferência dos entrevistados nas sete maiores capitais do País. Os atrativos do Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina estão sendo promovidos, no momento, em campanha publicitária do MTur. Com o lançamento da versão 2017 do Mapa do Turismo Brasileiro, a região ampliou o número de municípios com potencial para o desenvolvimento do turismo em quase 30% com perspectiva de ampliação da oferta de atrativos.
No Sudeste, destinos do Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais e Espírito Santo devem receber a visita de 17,3% dos brasileiros. O Norte e o Centro-Oeste receberão respectivamente 4,2% e 9,3% do contingente de brasileiros com planos futuros de viagem.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia