Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 14 de setembro de 2017. Atualizado às 21h18.

Jornal do Comércio

Viver

COMENTAR | CORRIGIR

artes cênicas

Notícia da edição impressa de 15/09/2017. Alterada em 14/09 às 16h19min

Teatro de Arena, cinquentenário de resistência

Teatro de Arena comemora a data com 30 dias de programação artística

Teatro de Arena comemora a data com 30 dias de programação artística


GILMAR LUÍS/ARQUIVO/JC
Apresentações de peças, dança, música e oficinas marcam as comemorações dos 50 anos do Teatro de Arena que começam nesta sexta-feira e terminam dia 17 de outubro, data de inauguração do espaço. Na programação, idealizada pelo diretor do Instituto Estadual de Artes Visuais Clovis Rocha, os ingressos dos espetáculos custam R$ 10,00, e as oficinas são gratuitas.
A abertura fica por conta da estreia da peça Teatro é sempre Arena, de sexta a domingo, às 20h. A encenação pontua a trajetória de resistência do espaço. A dramaturgia, assinada por Jorge Rein, lembra montagens realizadas no Teatro de Arena e personagens que marcaram a história destes 50 anos utilizando textos de Eduardo Pavlowsky, Peter Weiss, Georg Büchner, Bertold Brecht e Samuel Beckett. A direção é de Breno Ketzer.
O Teatro de Arena localiza-se nos altos do viaduto Otávio Rocha, na avenida Borges de Medeiros, número 835. Fundado pelo Grupo de Teatro Independente, então composto por Jairo de Andrade, Araci Esteves, Alba Rosa, Câncio Vargas, Hamilton Braga (que integra o elenco deste espetáculo) e Edwiga Falej, foi inaugurado em 17 de outubro de 1967, com a peça de Dias Gomes, O Santo Inquérito. O Arena atuou como um núcleo de resistência cultural no período da Ditadura Militar (1964 - 1985). A programação completa pode ser consultada na página do Facebook Teatro de Arena.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia