Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 07 de agosto de 2017. Atualizado às 22h55.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

Justiça

Notícia da edição impressa de 08/08/2017. Alterada em 07/08 às 21h34min

Família de jovem morta por marquise será indenizada

Os desembargadores da 9ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul decidiram indenizar a família de Yvi dos Reis Tomaz, estudante de Direito de 18 anos que morreu após ser atingida pela marquise de um prédio em demolição em 2006, na avenida João Pessoa, em Porto Alegre. Pela determinação, a construtora Terravino Ltda. deve pagar R$ 241,9 mil. Ainda cabe recurso.
A família pedia reparação por danos materiais e morais contra a empresa e a prefeitura, além de uma pensão vitalícia. A prefeitura foi excluída da responsabilidade, e a pensão não foi concedida.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia