Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 02 de agosto de 2017. Atualizado às 16h41.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

Infraestrutura

Notícia da edição impressa de 02/08/2017. Alterada em 02/08 às 16h42min

Sartori garante entrega de trechos da ERS-118 para o ano que vem

Sartori e secretário dos Transportes, Pedro Westphalen, vistoriaram os trechos em obras

Sartori e secretário dos Transportes, Pedro Westphalen, vistoriaram os trechos em obras


DANI BARCELOS/PALÁCIO PIRATINI/JC
Depois de mais de dez anos sem conclusão, a duplicação da ERS-118, entre Sapucaia do Sul e Gravataí, deve ter trechos entregues em 2018. É o que promete o governador José Ivo Sartori. Em visita às obras ontem, Sartori reforçou que, entre janeiro e julho, o Estado investiu R$ 11 milhões de recursos do Tesouro na duplicação e restauração da via. Em 2015 e 2016, não houve avanços na obra.
Os trabalhos estão sendo executados pelo Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), autarquia ligada à Secretaria dos Transportes. O governador andou no canteiro de obras do viaduto Itacolomi, em Gravataí, e percorreu a estrada até o quilômetro 6, em Sapucaia do Sul, onde acompanhou o funcionamento de uma máquina fragmentadora ressonante de concreto, tecnologia inédita no Brasil, utilizada para recuperar o lote 2 (do quilômetro 5 ao 11) .
Sartori disse que a ERS-118 sempre foi prioridade. "Estamos fazendo o que é possível, mas vemos que falta muita coisa, obras e licitações virão logo em seguida. Mas o que mais importa e que precisa ser ressaltado nesta hora é que toda a rodovia está com capacidade de funcionamento", afirmou.
Duas partes da obra, o lote 2 (do quilômetro 5 ao 11) e o viaduto Itacolomi (quilômetro 18 em Gravataí), devem ser entregues em 2018. Conforme a Secretaria dos Transportes, o lote 1 (do quilômetro 11 ao 21,5) está em licitação, e o lote 3 (do quilômetro 0 ao 5) deve abrir o processo licitatório dentro de um mês. A todo, são 22,4 quilômetros que estão em obras ou em processo de licitação. O trecho vai do entroncamento da BR-116, em Sapucaia do Sul, até o encontro com a freeway (BR-290), em Gravataí.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia