Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 31 de agosto de 2017. Atualizado às 13h13.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Eliminatórias da Copa

Notícia da edição impressa de 31/08/2017. Alterada em 31/08 às 08h50min

Em jogo contra o Equador, atletas querem mostrar serviço a Tite

Classificada com bastante antecedência para a Copa do Mundo de 2018, a seleção brasileira entra em campo hoje basicamente para cumprir tabela diante do Equador. No entanto, para os jogadores, o confronto na Arena do Grêmio, às 21h45min, não tem nada de amistoso. Muitos deles veem as partidas como uma oportunidade a mais para mostrar serviço ao técnico Tite e se firmarem no grupo que vestirá a camisa canarinho daqui a um ano, no Mundial da Rússia.
Titular do Brasil desde que Tite assumiu o comando, há um ano, e praticamente garantido na Copa do Mundo, Alisson reforça o discurso que vem sendo empregado desde que o time assegurou a sua vaga na competição. O goleiro, que não é unanimidade entre os torcedores, vê as desconfianças como normais e se mostra seguro quanto a sua situação na equipe. "É importante dar continuidade ao trabalho que vem sendo feito, que nos fez conquistar essa classificação. "Estamos colocando no nosso coração, na nossa cabeça, que já começou o Mundial", afirmou.
Na atividade de ontem, na Arena, a imprensa pôde acompanhar apenas o aquecimento - o resto do treinamento foi fechado. No entanto, não deve haver mistério na escalação, e a equipe será a mesma que venceu o Equador por 3 a 0, há um ano, na partida que marcou a estreia de Tite como treinador da seleção. O Brasil deve jogar com Alisson; Daniel Alves, Marquinhos, Miranda e Marcelo; Casemiro, Paulinho, Renato Augusto e Willian; Neymar e Gabriel Jesus.
Para o Equador, o jogo nada tem de amistoso. Sexto colocado nas eliminatórias, o país precisa ter um ótimo aproveitamento nas últimas quatro rodadas se quiser ir para a Rússia.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Dorian R. Bueno 31/08/2017 09h47min
SELEÇÃO NO PADRÃO BRASILEIRO TITE DE SER, 4+1+4+1 E TODOS POR UM !!!nnParabéns aos atletas que conseguiram classificar a Seleção do Brasil de forma antecipada para a Copa da Rússia de 2018, agora é SHOW, mas com muita RESPONSABILIDADE. Estão jogando um futebol cada vez melhor com muita capacidade de assimilação do que o Mega Treinador Tite determinou, apenas aproveitando a característica de cada jogador sem muita frescura Tchê, para jogar no esquema 4+1+4+1 e TODOS por UM. Desempenhar um lindo JOGO não se esquecendo de suas funções táticas e técnicas que são fundamentais para todos poderem obter um resultado maravilhoso, e levar o nome do Brasil cada vez alto através de UMA BOLA de FUTEBOL. O treinador Tite tem os melhores jogadores a sua disposição, tanto que muitos jogam nos principais times da Europa, regando o dom da amizade dentro e fora do campo COM MUITA HARMONIA E ALEGRIA, para sempre fazer o melhor com a BOLA no PÉ. Este resgate do espírito de equipe sem ESTRELISMO que queremos ver sempre na SELEÇÃO DO BRASIL, principalmente por que sabemos que todos possuem TALENTO para fazer hoje mais uma ótima apresentação diante da simpática Seleção do Equador na Arena do Humaitá. Abs. Dorian Bueno Google+Plus, POA, 31.08.2017nn