Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sábado, 05 de agosto de 2017. Atualizado às 03h00.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

série b

Alterada em 05/08 às 03h04min

Brasil de Pelotas bate Criciúma e 'respira' na luta contra o rebaixamento

Brasil de Pelotas se afasta da zona do rebaixamento e ainda diminui distância para o G4

Brasil de Pelotas se afasta da zona do rebaixamento e ainda diminui distância para o G4


Carlos Insaurriaga/Brasil de Pelotas/Divulgação/JC
O Brasil de Pelotas conquistou uma importante vitória nesta sexta-feira, fora de casa, em partida que abriu a 19.ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Em um momento difícil na competição, o time de Pelotas reagiu e venceu o Criciúma por 2 a 1, no estádio Heriberto Hulse.
Com o resultado, o Brasil-RS chegou aos 24 pontos e se afastou momentaneamente da zona do rebaixamento, embora ainda esteja em situação perigosa na Série B. E o Criciúma, com dois pontos a mais, desperdiçou boa chance de se aproximar dos primeiros colocados - em quarto, o Ceará soma 28.
Jogando em casa, o time catarinense foi mais ofensivo desde o início, mas não conseguiu movimentar o placar. Além de boas defesas do goleiro Marcelo Pitol, o Brasil-RS viu a trave "salvar" duas bolas finalizadas por Silvinho, primeiro em cobrança de falta e depois em um batida da entrada da área.
Na única chance clara que teve, aos 31 minutos, o Brasil-RS mostrou eficiência e abriu o placar. Em rápido contra-ataque, Marcinho tabelou com Lincom e bateu para o gol. Luiz defendeu e, no rebote, o próprio Lincom acertou bom chute no ângulo.
Na segunda etapa, a situação se repetiu. O Criciúma partiu para o ataque, mas, aos nove minutos, Marcinho puxou contra-ataque e encontrou o lateral Éder Sciola livre para tocar na saída do goleiro e ampliar o marcador para o Brasil-RS.
Após o gol, o Criciúma se tornou ainda mais ofensivo e conseguiu descontar aos 22 minutos: Douglas Moreira cruzou da esquerda e o zagueiro Teco desviou para trás, marcando contra. A reação, contudo, parou aí. E o Brasil-RS conseguiu segurar o resultado até o apito final.
O Criciúma volta a campo na próxima terça-feira, quando enfrenta o Santa Cruz no Arruda, em Recife, pela 20.ª rodada da Série B, abrindo o returno. Na sexta-feira, dia 11 de agosto, o Brasil-RS recebe o Guarani no estádio Bento Freitas.
Criciúma 1 x 2 Brasil de Pelotas
Luiz; Diogo Mateus, Nino, Edson Borges e Márcio Goiano; Jonatan Lima (Erick Flores), Ricardinho e Douglas Moreira; Caio Rangel (Fabinho Alves, depois Alex Maranhão), Lucão e Silvinho. Técnico: Luiz Carlos Winck.
Marcelo Pitol; Éder Sciola, Leandro Camilo, Teco e Breno; Leandro Leite, João Afonso (Ednei) e Itaqui (Nem); Marcinho, Lincom (Misael) e Juninho. Técnico: Clemer.
Árbitro: Francisco Carlos do Nascimento (AL)
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia