Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 21 de agosto de 2017. Atualizado às 08h04.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

mercado financeiro

Alterada em 21/08 às 08h04min

Bolsa de Tóquio fecha em baixa pelo 4º pregão consecutivo

A Bolsa de Tóquio fechou em baixa pelo quarto pregão consecutivo nesta segunda-feira, atingindo o menor nível em três semanas e meia, influenciada pelo fraco desempenho de ações dos setores financeiro e exportador.
O índice Nikkei encerrou o dia com queda de 0,40%, a 19.393,13 pontos, seu menor patamar desde 1º de maio.
Incertezas sobre a implementação de reformas nos EUA e o início hoje de exercícios militares conjuntos entre americanos e sul-coreanos na Península Coreana - poucas semanas depois de Washington e a Coreia do Norte trocarem ameaças - mantiveram os investidores à margem dos negócios no mercado japonês.
O volume de transações em Tóquio foi de apenas 1,4 bilhão de ações nesta segunda.
Por outro lado, houve demanda por bônus do governo japonês (JGBs) durante a madrugada, com o rendimento do papel de 20 anos chegando a recuar brevemente a 0,55% pela primeira vez em dois meses.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia