Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 22 de agosto de 2017. Atualizado às 22h52.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
Roberto Brenol Andrade

Palavra do Leitor

Notícia da edição impressa de 23/08/2017. Alterada em 22/08 às 20h03min

Servidor público

Em relação à matéria Lasier Martins propõe comissão para avaliar se servidor perderá cargo público (Jornal do Comércio, 14/08/2017), esta avaliação vai levar em consideração a idade? Afinal, uma pessoa de 50 anos não tem o mesmo pique que uma de 30. É preciso ver se o empregador instrumenta corretamente o servidor para seu desempenho. E para que servem os estatutos dos servidores municipais e estaduais? Para que serve a estabilidade, se não é justamente para impedir o corporativismo partidário?! Os sindicatos estão sendo consultados? (José Fonseca, Caxias do Sul/RS)
Planejamento urbano
Áreas planejadas que não levaram em consideração a vida das pessoas são verdadeiros fracassos. Um grande exemplo está na Terceira Perimetral. O projeto ignorou as pessoas que viviam naqueles bairros e priorizou os carros, gerando espaços desumanizados que incitam a violência, prejudicam o valor comercial dos imóveis, provocam alterações de uso e migração de moradores. A prefeitura da Capital obteve a aprovação da LDO 2018 que contempla a duplicação das avenidas Vicente Monteggia e Oscar Pereira, que cruzam bairros de forte tradição religiosa, cemitérios históricos, entre outros locais de valores intangíveis para a população. O projeto precisará respeitar e transparecer o reconhecimento desses valores, contribuindo para uma cidade mais humana. A cidade é como um organismo vivo, precisamos refletir sobre isso porque a cidade é de todos. Como cidadão que ama Porto Alegre, quero contribuir. (Luiz Antonio Henriques da Silva, arquiteto e urbanista)
Lojas fechadas
Sobre a matéria Capital fecha perto de 2 mil lojas no semestre (Jornal do Comércio, 21/08/2017), o presidente do Sindilojas Porto Alegre, Paulo Kruse, tem razão: o número de casas comerciais aumentou, mais do que as lojas que fecharam. (João Lucas Miguel)
Futebol
Realmente, está havendo um excesso de partidas de futebol. Agora, temos dois ou três campeonatos simultâneos, os técnicos poupam jogadores e vamos também assistindo campeonatos da França, da Inglaterra, da Espanha e até da China... (Paulo de Tarso Sinuelo, Porto Alegre)
Futebol II
As últimas vitórias não podem acomodar o Colorado! Podemos admitir que já estamos tendo um time, porque os resultados começaram a acontecer e as vitórias consecutivas não foram à toa: estamos na vice-liderança e temos a melhor defesa da Série B. Agora, o Internacional está tranquilo, porque, com um esquema definido, todos ficam mais calmos. Mas não podemos baixar a guarda. (Dorian R. Bueno, Porto Alegre)
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia