Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 11 de julho de 2017. Atualizado às 18h43.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

Estados Unidos

Notícia da edição impressa de 12/07/2017. Alterada em 11/07 às 19h54min

Trump Jr. divulga e-mail de oferta russa por informações sobre Hillary

Donald Trump Jr., filho mais velho do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, divulgou, em seu perfil no Twitter, um e-mail trocado com o publicitário Rob Goldstone, o qual mostra que o governo da Rússia tentou fornecer informações comprometedoras sobre a democrata Hillary Clinton à campanha de Trump.
"Para ser totalmente transparente, estou liberando todos os meus e-mails com Rob Goldstone sobre a reunião que tive em 9 de junho de 2016", disse Trump Jr. em um comunicado publicado no Twitter. "Para colocar em contexto, isso ocorreu antes que a atual febre russa entrasse em vigor."
Nos últimos dias, a imprensa divulgou que Trump Jr. e outros integrantes da equipe de governo, como Jared Kushner, genro do presidente, e o chefe da campanha, Paul Manafort, haviam se encontrado com a advogada russa Natalia Veselnitskaya, por intermédio de Goldstone, para a obtenção de informações sobre Hillary. "Esta é, obviamente, uma informação de alto nível e bastante sensível, mas faz parte da Rússia e de seu apoio do governo a Trump", diz um dos e-mails.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia