Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 31 de julho de 2017. Atualizado às 15h50.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

Educação

Alterada em 31/07 às 15h55min

Estudantes do ensino médio ainda podem se inscrever em cursos técnicos gratuitos

Agência Brasil
Termina hoje (31) o prazo para que estudantes do ensino médio possam fazer a matrícula no programa MedioTec, que oferece 107.465 vagas em 131 cursos técnicos gratuitos, para alunos da rede pública de ensino. As aulas começam no dia 14 de agosto.
Os interessados devem procurar a Secretaria estadual de Educação para saber o calendário e orientações para a inscrição. De acordo com a secretária de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação, Eline Nascimento, cada secretaria estabeleceu um calendário para selecionar e matricular seus alunos.
"É importante que os alunos confirmem suas matrículas, mas acreditamos que até hoje um grande número de alunos já esteja selecionado. Pode acontecer de haver algumas vagas remanescentes, e as secretarias vão chamar os alunos de acordo com o banco de reserva que já montaram", disse.
O investimento no programa é de R$ 700 milhões, uma parte já foi executada neste ano e o restante será executado no próximo ano, já que alguns cursos têm duração maior, e continuarão a ser ministrados no ano que vem.
As vagas e os cursos foram definidos de acordo com as demandas de cada região. De acordo com a secretária, foi feito um levantamento junto aos ministérios para saber as demandas do setor produtivo. "Com base nesse levantamento, nós designamos algumas vagas para cada município. Então, o jovem que fizer o curso vai entrar com maior chance de empregabilidade ao final do curso", disse Eline.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia