Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 30 de julho de 2017. Atualizado às 22h40.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

Clima

Notícia da edição impressa de 31/07/2017. Alterada em 30/07 às 21h01min

Chuva e temperatura amena marcarão a semana no Rio Grande do Sul

A partir de hoje, a chuva se alastra pelas regiões do Estado e faz cair a temperatura

A partir de hoje, a chuva se alastra pelas regiões do Estado e faz cair a temperatura


JONATHAN HECKLER/JC
Após uma sequência de dias de calor e céu ensolarado, os gaúchos serão novamente lembrados de que ainda é inverno, mesmo que com clima ameno. A partir de hoje, a chuva se alastra pelas regiões do Estado e faz cair a temperatura, trazendo, até quinta-feira, mínimas de 6 graus, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).
A perspectiva hoje é de chuva em áreas isoladas no Litoral, Encosta do Sudeste, Serra do Sudeste e Campanha. Nas demais regiões, ficará parcialmente nublado. As marcas ficarão entre 8 e 32 graus no Rio Grande do Sul e entre 16 e 28 graus em Porto Alegre. Amanhã, a previsão é que chova nas mesmas regiões em que hoje haverá instabilidade. Os termômetros registrarão de 10 a 32 graus no Estado e de 17 a 30 graus na Capital.
O arrefecimento começa na quarta-feira, quando as pancadas de chuva e as trovoadas serão generalizadas. A mínima será de 10 e a máxima, de 28 graus no Rio Grande do Sul. Em Porto Alegre, a mínima ficará em 17 e a máxima, em 27 graus. Na quinta-feira, as pancadas de chuva continuam em todas as regiões. A temperatura, em declínio, ficará entre 6 e 20 graus no Estado e entre 15 e 17 na Capital.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia