Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 23 de julho de 2017. Atualizado às 22h50.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Brasileirão - Série A

Notícia da edição impressa de 24/07/2017. Alterada em 23/07 às 22h49min

Tentando seguir perto do líder, Grêmio pega o São Paulo no Morumbi

A campanha fora do comum do Corinthians, que ontem venceu o Fluminense por 1 a 0, obriga o Grêmio a manter um ritmo forte se quiser seguir brigando pelo título do Campeonato Brasileiro. Hoje, o Tricolor vai a campo para encarar o São Paulo, no Morumbi. O objetivo é aproveitar-se do desespero do adversário, que luta para sair da zona de rebaixamento, e diminuir para seis pontos a distância para o líder, que segue invicto e já chegou aos 40. O jogo começa às 20h.
Considerado dúvida para o jogo de hoje, Pedro Geromel foi relacionado e deve entrar em campo, mesmo que no sacrifício. Afinal, os reservas Rafael Thyere, que sofreu entorse no tornozelo esquerdo no treino de ontem, e Bruno Rodrigo, com dores no adutor, foram cortados da viagem. Bressan deve ser o único zagueiro de origem no banco de reservas. 
Os atletas relacionados para a partida devem seguir na ponte aérea, com o mesmo elenco rumando ao Paraná para enfrentar o Atlético-PR, quinta-feira, pelo jogo de volta nas quartas de final da Copa do Brasil. A exceção é Lucas Barrios, que está suspenso para hoje, mas junta-se normalmente aos companheiros no meio de semana. Para o confronto com o São Paulo, a tendência é que Fernandinho substitua o paraguaio, com Luan deslocado para a frente do ataque. Everton é outra opção.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia