Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 03 de julho de 2017. Atualizado às 22h38.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

consumo

Notícia da edição impressa de 04/07/2017. Alterada em 03/07 às 20h36min

CDL Porto Alegre amplia serviços de atendimento ao consumidor

Para facilitar ainda mais o acesso ao Centro de Atendimento ao Consumidor (Ceacon) da CDL Porto Alegre, a partir da próxima segunda-feira, 10 de julho, a unidade estará em novo endereço. A nova estrutura, especialmente pensada para qualificar, ampliar e agilizar as consultas oferecidas à população, passará a atender junto à sede da entidade, localizada na rua Senhor dos Passos, número 235, no Centro da capital gaúcha.
O espaço contará com 165 metros quadrados, terminais de autoatendimento e área de orientação ao consumidor. De acordo com o superintendente da CDL POA, Maico Renner, com o novo Ceacon, o consumidor passa a ter acesso a um serviço com mais qualidade, com melhor estrutura, tecnologia e totalmente voltado à segurança da informação. O Ceacon pretende também, em breve, oferecer apoio na negociação para resolução dos débitos, contribuindo para a educação financeira e, consequentemente, redução da inadimplência.
No local, estarão disponíveis quatro terminais de autoatendimento para consulta ao SCPC de CPF e CNPJ. O serviço em tela é totalmente gratuito. O Ceacon também irá prestar orientação ao consumidor, bem como receber ofícios e comunicação de perda de documentos. Veja mais sobre os serviços oferecidos pela entidade em www.cdlpoa.com.br.

Saiba quais são os documentos indispensáveis para a consulta de CPF e CNPJ

Pessoa física: RG, CNH ou Identidade Profissional.
CPF (caso o número do CPF não esteja expresso no documento apresentado para identificação).
Quando o consulente for procurador de pessoa física é necessário RG, CNH ou Identidade Profissional, CPF da pessoa física que será consultada ou cópia autenticada do documento e procuração com firma reconhecida e poderes específicos, ficando essa na posse do SCPC.
Pessoa jurídica: Cartão de CNPJ da Pessoa Jurídica.
Contrato social da Pessoa Jurídica, com registro na Junta Comercial (o nome do sócio deve constar no contrato), ou estatuto registrado no Registro de Pessoas Jurídicas e ata de posse (o nome do diretor/presidente deve constar) ou Requerimento de Empresário registrado na Junta Comercial, conforme o caso; RG, CNH ou Identidade Profissional do sócio, diretor/presidente ou empresário, conforme o caso.
Quando o consulente não for o sócio, diretor/ presidente ou empresário (antiga firma individual), será necessário procuração da empresa, com poderes específicos, com firma reconhecida e RG, CNH ou Identidade Profissional do consulente.
Não serão aceitos para a efetivação das consultas:
1. Documentos rasurados ou danificados (abertos, replastificados etc.).
2. Autorização que não seja do pai ou da mãe (com mais de sessenta anos) ao filho.
3. Procuração sem firma reconhecida.
4. Carteiras de associações, clubes, sindicatos, crachás etc.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia