Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 09 de julho de 2017. Atualizado às 22h30.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
Fernando Albrecht

Começo de Conversa

Notícia da edição impressa de 10/07/2017. Alterada em 09/07 às 22h26min

Casas da José Bonifácio

Fotos do movimento de público no café Coletânea, na José Bonifácio, em frente ao Brique.

Fotos do movimento de público no café Coletânea, na José Bonifácio, em frente ao Brique.


MARCELO G. RIBEIRO/MARCELO G. RIBEIRO/JC
O Hospital de Pronto Socorro de Porto Alegre tem um projeto de expansão, que inclui a instalação de partes administrativas nos fundos, na avenida José Bonifácio. Para isso, seis casas de frente para o Brique da Redenção teriam de ser demolidas. Entretanto o dinheiro da reforma acabou e, enquanto isso, não há previsão de retomar a iniciativa. Nesse meio tempo, alguns comércios e serviços, como um café, seguem funcionando no local.

Capricho no acento

Joesley Batista nunca teve a pronúncia que a rádio e TV empregam, como se tivesse acento no "e". Quando era pobre e mourejava como magarefe, era Joesley sublinhado no "y". Mas o dinheiro tem dessas coisas, compra até mudança de sílaba tônica. Não é o único caso de figuras conhecidas. Quando não dá para mudar, acrescenta-se consoante dupla. É fashion. Ou obra da numerologia.

Grãos e rodovias

pg3 presidente BRDE Odacir Klein no Diálogo Brasil - Japão - Mauro Moraes

pg3 presidente BRDE Odacir Klein no Diálogo Brasil - Japão - Mauro Moraes


MAURO MORAES/MAURO MORAES/DIVULGAÇÃO/JC
O presidente do BRDE, Odacir Klein, jogou uma isca para os empresários e investidores japoneses no 3º Diálogo Brasil-Japão, realizado em São Paulo. Embora a temática do encontro focasse a agricultura e alimentos, Klein disse aos nipônicos que o Rio Grande do Sul finaliza formatação de programa de concessões de rodovias. Tudo a ver, porque um dos painéis versou exatamente sobre infraestrutura e transporte de grãos no Brasil. Klein usou a técnica do "quem não é visto não é lembrado".

Como se faz?

O ciclo de encontros Brasil de ideias, da revista Voto, que há seis anos é sucesso em Porto Alegre e já se expandiu para o Rio de Janeiro, inicia hoje um novo ciclo em Canoas. O tema será "o que faz uma sociedade ser referência em educação?". O evento será hoje, às 8h30min, no Sesc Canoas.

Do bico ao empreendedorismo II

Antes restritos aos locais de trabalho, agora observam-se moças e senhoras bem-vestidas oferecendo pães, cucas e doces de forma educada em lojas, farmácias e barbearias em que haja uma massa crítica de pessoas. Quase sempre, são alimentos não perecíveis. Quantas dessas pessoas conseguem sucesso de vendas e acabam por ser empreendedoras formais?

Do bico ao empreendedorismo I

Empregados de carteira assinada e funcionários públicos fazerem bicos levando para vender no local de trabalho artesanato, roupas, sanduíches e salgadinhos é prática comum, e não é de hoje. Normalmente, as chefias fazem vista grossa, porque reconhecem que é dura a vida com essa crise toda. Mas há uma novidade na prática.

Caixa rápida

Na semana passada, a página publicou nota sobre o sumiço do FGTS dos netos de um leitor, recursos resgatados em cidades e estados em que eles nunca estiveram nem visitaram. No mesmo dia, a direção da Caixa Econômica Federal em Brasília solicitou à página o telefone do leitor. Na sexta-feira, ele ligou para este colunista para dizer que o FGTS foi liberado.

Miúdas

CENTRO Histórico da Capital pode estar uma bagunça, mas aqui e acolá surgem pequenas operações com pratos no capricho.
CLIENTES que querem fugir dos bastantões têm neles um prato cheio. Imagina quando o Centro for retomado.
SEIS integrantes do Conselho Estadual de Cultura foram reconduzidos e dois, nomeados.
ENTRE os reconduzidos pelo governador José Ivo Sartori (PMDB) está o colunista do JC Jaime Cimenti.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia