Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 20 de julho de 2017. Atualizado às 22h09.

Jornal do Comércio

Viver

COMENTAR | CORRIGIR

cinema

Notícia da edição impressa de 21/07/2017. Alterada em 20/07 às 18h13min

Surpresa total

Acontecimento incomum marca comédia francesa Tal mãe, tal filha

Acontecimento incomum marca comédia francesa Tal mãe, tal filha


CALIFORNIA FILMES/DIVULGAÇÃO/JC
Inseparáveis, Avril (Camille Cottin) e sua mãe, Mado (Juliette Binoche), não podem ser mais diferentes uma da outra. Aos 30 anos, a filha é casada, tem um emprego fixo e é organizada, ao contrário de sua mãe, eterna adolescente irresponsável e petulante, que vive às custas de sua filha desde o divórcio.
No filme Tal mãe, tal filha, as duas mulheres se veem grávidas ao mesmo tempo e sob o mesmo teto. Mado está em plena crise de juventude e não está pronta para ser avó. Já Avril tem grande dificuldade de imaginar a mãe tendo outro bebê. 
A comédia francesa foi guiada também pelo olhar feminino: tem direção e roteiro de Noémie Saglio.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia