Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 27 de junho de 2017. Atualizado às 15h11.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

crise política

Alterada em 27/06 às 15h13min

Dilma: 'Golpe' deixou País nas mãos do único presidente denunciado por corrupção

A ex-presidente Dilma Rousseff utilizou as redes sociais para comentar a denúncia do procurador-geral Rodrigo Janot contra o presidente Michel Temer. "Resultado do Golpe de 2016: deixar o País nas mãos do único presidente denunciado por corrupção", escreveu Dilma no twitter e no Facebook. "Impeachment sem crime de responsabilidade: ponte dos perdedores sobre a democracia para o desmonte do País", completou a petista em uma crítica ao programa "Ponte para o Futuro" do PMDB.
Em sua mensagem, a petista ainda criticou a "grande mídia" e o PSDB e lembrou o pato amarelo utilizado pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), quando defendeu o seu impeachment. "Adeptos do Pato Amarelo conheciam a conduta do grupo que assaltou o Planalto e são responsáveis diretos por sua ascensão", afirmou.
A assessoria de imprensa do Palácio do Planalto confirmou na tarde desta terça-feira, 27, que o presidente Michel Temer fará um pronunciamento às 15 horas. Fontes adiantaram à reportagem que ele vai se pronunciar para se defender das denúncias de Rodrigo Janot.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia