Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 22 de junho de 2017. Atualizado às 23h42.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

OPERAÇÃO LAVA JATO

Notícia da edição impressa de 23/06/2017. Alterada em 22/06 às 21h08min

Barbosa diz que País 'não está preparado para um presidente negro'

Costumeiramente cotado para ser candidato à presidência da República, Joaquim Barbosa, ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), afirmou que está menos propenso a disputar o Planalto em 2018. "Será que o Brasil está preparado para ter um presidente negro?". As declarações foram publicadas nesta quinta-feira do jornal Folha de S.Paulo. Há cerca de 15 dias, o ex-magistrado, que ganhou repercussão nacional ao ser o relator do julgamento do mensalão, em 2012, admitiu que a decisão de se filiar a um partido e articular uma candidatura estava na "esfera de deliberação". Ele declarou que já havia conversado sobre a questão com "líderes de dois ou três partidos políticos", citando a ex-ministra Marina Silva (Rede), outra possível candidata, e o PSB, que teve Marina como candidata em 2014. Até o PT, que teve quadros importantes condenados por Barbosa, sondou o juiz aposentado.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia