Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 01 de junho de 2017. Atualizado às 16h18.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

Relações Internacionais

01/06/2017 - 16h17min. Alterada em 01/06 às 16h25min

Governo palestino elogia decisão de Trump de não mudar embaixada para Jerusalém

O governo Palestino elogiou a decisão do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de não transferir a embaixada americana em Israel para Jerusalém, afirmando que isso fortalece a paz na região.
O porta-voz do governo palestino, Nabil Abu Rdeneh, afirmou que se trata de um "importante passo positivo", que ilustra o compromisso dos EUA em promover a paz.
O embaixador da Palestina em Washington, Hussam Zomlot, declarou que a manutenção da embaixada em Tel-Aviv reforça as perspectivas de que os conflitos sejam encerrados de maneira pacífica. O embaixador acrescentou que "está pronto para se reunir com as autoridades americanas", com o intuito de alcançar uma paz "justa e duradoura".
Os palestinos reivindicam Jerusalém oriental como capital de seu futuro Estado. Israel anexou a área em 1967, que pertencia anteriormente à Jordânia. 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia