Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 08 de junho de 2017. Atualizado às 20h02.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

saúde

08/06/2017 - 20h06min. Alterada em 08/06 às 20h08min

Prefeitura de Porto Alegre quer contratar 70 profissionais para área da saúde

Se o projeto for aprovado pela Câmara, o Hospital Materno Infantil Presidente Vargas será uma das instituições beneficiadas pela contratação dos profissionais

Se o projeto for aprovado pela Câmara, o Hospital Materno Infantil Presidente Vargas será uma das instituições beneficiadas pela contratação dos profissionais


CLAITON DORNELLES/JC
A Prefeitura de Porto Alegre vai contratar cerca de 70 profissionais da saúde, entre enfermeiros, técnicos de enfermagem e auxiliares de farmácia, para a “Operação Inverno”. O executivo encaminhou pela primeira vez, nesta quinta-feira (8), um projeto de lei à Câmara de Vereadores solicitando autorização para contratação emergencial dos profissionais.
O contrato será por 120 dias, e os profissionais irão trabalhar no Hospital Materno Infantil Presidente Vargas, em unidades de pronto atendimento e em farmácias distritais da Secretaria Municipal da Saúde. As contratações são para suprir a demanda de atendimento médico devido ao aumento da incidência de doenças respiratórias crônicas agudizadas no inverno.
As crises de asma são responsáveis por 25% das internações anuais por doenças respiratórias. A bronquiolite viral aguda, mais comum entre menores de dois anos, tem ocorrência essencialmente entre os meses de maio e setembro. Casos agudos de bronquite crônica e enfizema ocorrem predominantemente entre os meses de maio e setembro.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia