Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 04 de junho de 2017. Atualizado às 22h19.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

Clima

Notícia da edição impressa de 05/06/2017. Alterada em 04/06 às 20h48min

Chuva se mantém até quinta-feira no Rio Grande do Sul

Ilha da Pintada segue com pontos de impedimento de mobilidade

Ilha da Pintada segue com pontos de impedimento de mobilidade


MARCO QUINTANA/MARCO QUINTANA/JC
Parecia que ia dar uma trégua, mas o tempo sem chuva foi breve. Após a sexta-feira e o sábado de sol, a madrugada de domingo já foi marcada por chuvarada no Rio Grande do Sul. Durante o dia, as pancadas de chuva se revezavam com momentos mais secos, mas ainda nublados. O cenário, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), se manterá assim até quinta-feira no Estado.
Conforme o Sistema Centro Integrado de Comando Metroclima, da prefeitura da Capital, o nível do Guaíba no Cais do Porto seguia em regime de cheia no domingo, com 2,14 metros de altura. No Centro Histórico, o volume de chuva acumulado somente no domingo era de 5,4 milímetros; no Menino Deus, de 5,4 milímetros; no Sarandi, de 7,6 milímetros; e no São João, de 5,3 milímetros.
De acordo com a Defesa Civil de Porto Alegre, a região do Arquipélago, como a Ilha da Pintada, ainda mantém alguns pontos de impedimento de mobilidade, e o local segue em monitoramento, já que a perspectiva para a semana é de chuva forte, o que trará um novo impacto do nível do Guaíba.
O último boletim da Defesa Civil gaúcha, do final da tarde de domingo, indicava 52 municípios em situação de emergência no Estado. No total, 125 municípios foram atingidos pela chuva. Há 839 famílias desalojadas (3.516 pessoas) e 326 famílias desabrigadas (1.375). Os níveis do rio Caí, em São Sebastião do Caí, e do rio Uruguai, em Iraí e em Porto Mauá, estão baixando. No Rio dos Sinos, em São Leopoldo, o nível está estacionado. A altura da água está estável no rio Uruguai em São Borja. O nível do rio Uruguai em Itaqui e em Uruguaiana segue subindo.
Hoje, o céu ficará nublado em todo o Rio Grande do Sul, com ocorrência de pancadas de chuva e trovoadas. A temperatura ficará entre 10 e 20 graus no Estado e entre 15 e 18 graus em Porto Alegre.
Amanhã, poderá haver momentos de céu parcialmente nublado, mas as pancadas de chuva permanecem. As marcas irão de 8 a 18 graus no Estado e de 14 a 18 graus na Capital. As condições climáticas se manterão as mesmas na quarta-feira, quando os termômetros registrarão entre 8 e 20 graus no Rio Grande do Sul e entre 14 e 18 graus em Porto Alegre.
Na quinta-feira, também ficará nublado, com pancadas de chuva em todas as regiões gaúchas. As mínimas diminuirão, ficando em 12 graus tanto no Estado quanto na Capital. A máxima será de 20 graus no Rio Grande do Sul e de 19 graus em Porto Alegre.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia