Porto Alegre, quinta-feira, 01 de junho de 2017. Atualizado às 20h25.

Jornal do Comércio

Galeria de imagens

Servidores municipais protestam na Câmara de Vereadores de Porto Alegre

"Sem enrolação, repõe a inflação!" e "Fora, Marchezan!" eram os gritos dos servidores municipais nas galerias do plenário da Câmara de Vereadores de Porto Alegre contra o primeiro projeto do prefeito Nelson Marchezan Júnior, que seria votado na quarta (31). O PL 002/17, que propõe a revisão geral anual dos salários de todos os servidores municipais, que ocorre sempre em maio de cada ano, observe a disponibilidade orçamentário-financeira do município, e não seja mais reposto automaticamente pela inflação anual, foi retirado de tramitação na Câmara de Vereadores, mas pode voltar quando o presidente da Câmara, Cláudio Janta (Solidariedade), decidir uma nova data. A prefeitura argumenta que é necessária a aprovação do pacote para minimizar efeitos da crise nos cofres públicos e manter o equilíbrio financeiro. 
 

FOTO Luiza Dorneles/CMPA/Divulgação/JC