Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 22 de junho de 2017. Atualizado às 00h02.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

campeonato brasileiro

Alterada em 22/06 às 00h02min

Avaí comete falhas, é atropelado pelo Fluminense e segue na lanterna

Lanterna do Campeonato Brasileiro, o Avaí teve uma noite para ser esquecida nessa quarta-feira. O time catarinense recebeu o Fluminense na Ressacada, em Florianópolis, pela nona rodada, e perdeu por 3 a 0 com falhas do goleiro Maurício Kozlinski e do estreante Maicon, lateral-direito que marcou época na seleção brasileira e na Inter de Milão, da Itália.
Com a derrota, que acabou ainda com a invencibilidade em casa, o Avaí permanece com cinco pontos e na última colocação. O Fluminense, com 14 pontos, chegou à sexta posição, sem tomar um gol pela primeira vez no Brasileirão.
Melhor no jogo desde o começo, o Fluminense desperdiçou algumas chances de abrir o placar nos primeiros minutos, mas conseguiu balançar as redes pela primeira vez aos 28, com Henrique Dourado O goleiro Maurício Kozlinski tentou driblar justamente o artilheiro do campeonato, agora com nove gols, perdeu a bola e viu o atacante adversário completar para as redes.
As lambanças da defesa do Avaí não pararam por aí. Cinco minutos mais tarde, Gustavo Scarpa bateu escanteio e o estreante Maicon se antecipou, mas desviou contra a própria meta, marcando gol contra em sua estreia. Aliás, ele mostrou estar fora de ritmo, tanto que acabou substituído no segundo tempo.
Em noite inspirada, o Fluminense ainda ampliou aos 14 minutos da etapa final com o jovem Mascarenhas. O lateral-esquerdo de 18 anos arriscou de longe e a bola desviou em Maicon, traindo o goleiro Kozlinski.
No final, o ritmo do jogo caiu e o time carioca, com o resultado já assegurado, só administrou a vantagem e trocou passes esperando o apito final. O Avaí não mostrou poder de reação e teve de se contentar com a perda da invencibilidade em seu estádio, além de manter a tensão pela falta de pontos.
O Fluminense volta a campo no próximo domingo, quando visita o São Paulo, no Morumbi, pela décima rodada do Campeonato Brasileiro. O Avaí joga contra o Botafogo, no Engenhão, na segunda-feira à noite.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia