Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 15 de junho de 2017. Atualizado às 23h59.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Campeonato Brasileiro

Notícia da edição impressa de 16/06/2017. Alterada em 15/06 às 23h32min

Grêmio vence no Rio e cola no líder

Time de Renato bateu o Fluminense e chega à quarta vitória seguida no Brasileirão

Time de Renato bateu o Fluminense e chega à quarta vitória seguida no Brasileirão


NELSON PEREZ/FLUMINENSE F.C./DIVULGAÇÃO/JC
O Grêmio jogou três vezes com o Fluminense nesse ano - duas pela Copa do Brasil e o confronto desta quinta-feira. Foram três vitórias e um placar agregado de 7 a 1 para os gaúchos. O triunfo pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro, no Maracanã, por 2 a 0, foi a quarta vitória seguida do time titular de Renato Portaluppi no Brasileirão - a nona se contar as outras competições.
O técnico dos cariocas, Abel Braga, antecipou antes de o jogo começar qual seria sua estratégia: aproveitar as 48h a mais de descanso do seu time - o Flu jogou no sábado e o Grêmio na segunda-feira - para suplantar os gaúchos. Pois o que se viu em campo foi os donos da casa acelerando a partida e os visitantes acalmando o duelo.
Logo aos sete minutos, o time de Renato Portaluppi tratou de mostrar as armas no Maracanã. Luan sofreu falta na intermediária central de ataque e Edilson soltou uma bomba na cobrança, acertando o ângulo direito do goleiro Julio Cesar e abrindo o placar.
Os cariocas chegaram a empatar aos 10 minutos, mas o árbitro marcou impedimento de Richarlison e anulou o lance. O Flu continuou tentando pressionar, mas o tricolor gaúcho conseguiu conter o ímpeto adversário e ir para o intervalo com a vantagem no marcador.
O Fluminense controlou boa parte do segundo tempo. Sem conseguir prender a bola na frente, o Grêmio via o adversário rondar sua área com muita frequência. Renato percebeu o problema e fez duas trocas que mudaram o panorama do jogo: Everton entrou no lugar de Maicon e Fernandinho substituiu Pedro Rocha.
A partir daí, os gaúchos passaram a ser melhores em campo e o resultado veio aos 34 minutos. Luan cobrou falta colocada pela esquerda de ataque, e venceu o goleiro para fazer o 2 a 0. No restante da partida, o Flu tentou o ataque, mas desorganizadamente, e o Grêmio tratou de administrar o resultado e buscar um que outro contragolpe.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia