Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 22 de junho de 2017. Atualizado às 19h59.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

fiscalização

22/06/2017 - 19h50min. Alterada em 22/06 às 20h03min

Guardas Municipais e ambulantes entram em conflito no Centro de Porto Alegre

Ação da Guarda busca coibir ações de furtos, tráfico de drogas e comércio ilegal no local

Ação da Guarda busca coibir ações de furtos, tráfico de drogas e comércio ilegal no local


Joel Vargas/PMPA/divulgação/JC
Ambulantes que vendem frutas e Guardas Municipais entraram em confronto no Largo Glênio Peres, no Centro Histórico de Porto Alegre, no final da tarde desta quinta-feira (22). Dois comerciantes foram detidos.
A Brigada Militar, que estava apoiando a Operação Retomada da Guarda Municipal, dispersou os trabalhadores, que colocaram fogo em caixotes de madeira, interrompendo o trânsito nas Avenidas Júlio de Castilhos e Mauá.
A chegada e partida das linhas que atendem no Terminal Parobé foram interrompidas e a EPTC desviou o trânsito na região. O principal objetivo da iniciativa é de coibir ações de furtos, tráfico de drogas e comércio ilegal no local.
Após a chegada dos guardas, os ambulantes que permaneceram tiveram seus materiais apreendidos pelo setor de fiscalização da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (SMDE). O Departamento Municipal de Limpeza Urbana (DMLU) também esteve presente para realizar a limpeza da área.
Conforme informações da PMPA
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia