Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 13 de junho de 2017. Atualizado às 14h19.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

varejo

13/06/2017 - 14h24min. Alterada em 13/06 às 14h24min

Vendas para o Dia dos Namorados caem 9,61%, segundo SPC

Segundo o SPC, as vendas para a data têm perdido forças nos últimos anos

Segundo o SPC, as vendas para a data têm perdido forças nos últimos anos


GILMAR LUÍS/JC
Agência Brasil
As vendas para o Dia dos Namorados caíram 9,61% este ano em comparação com o resultado do comércio para a data em 2016, segundo balanço divulgado hoje (13) pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL).
Segundo o SPC, as vendas para a data têm perdido forças nos últimos anos. Em 2016, a queda foi de 15,23%; em 2015, havia sido de 7,82%, e em 2014, de 8,63%. O último resultado positivo foi em 2013, quando as vendas cresceram 7,72%.
Segundo a economista-chefe do SPC, Marcela Kawauti, a queda mostra que o varejo ainda não se recuperou dos efeitos da crise.
"Embora os juros estejam diminuindo e a inflação em patamar abaixo da meta, o comércio só deverá sentir os efeitos positivos do fim da recessão quando a recuperação econômica se refletir em aumento da renda e da empregabilidade, fato que ainda não aconteceu", destacou.
O levantamento foi feito a partir das consultas ao banco de dados do SPC entre os dias 5 e 11 de junho.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia