Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 25 de junho de 2017. Atualizado às 22h43.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR

Frases e Personagens

Notícia da edição impressa de 26/06/2017. Alterada em 25/06 às 20h29min

Frases e personagens

Carlos Eduardo Thompson Flores Lenz, presidente do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4)

Carlos Eduardo Thompson Flores Lenz, presidente do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4)


SYLVIO SIRANGELO/TRF4/DIVULGAÇÃO/JC
"Eu acredito que até agosto do ano que vem, antes das eleições de 2018, concluiremos as apelações dos julgamentos da Lava Jato." Carlos Eduardo Thompson Flores Lenz, que tomou posse na presidência do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) na sexta-feira.
"Lamentamos a suspensão da importação de carne do Brasil pelos Estados Unidos (EUA). Havia pressão de pecuaristas norte-americanos, que tentam embargar o produto desde a abertura daquele mercado para a carne brasileira, há dois anos. Já havia a suspensão de cinco dos 13 frigoríficos habilitados a exportar para os EUA, por causa da constatação de abscessos em cortes dianteiros de bovinos." Blairo Maggi, ministro da Agricultura.
"O Brasil é o único país que é livre de aftosa com vacinação que exporta para os EUA. Os norte-americanos compram a parte dianteira dos bovinos, região onde a vacina é aplicada. Mas há de se entender também que estamos exportando carne para o maior concorrente que temos no mundo e há pressão grande de produtores norte-americanos, desde a época da liberação, para que haja o embargo, que não se permita a chegada de carne brasileira lá." Também Blairo Maggi.
"A única forma desse problema de abscessos provocados pela vacina ser definitivamente erradicado é o País tocar à frente sua intenção de deixar de vacinar o rebanho contra aftosa. Quando o Brasil adquirir o status, na Organização Mundial de Saúde Animal, de livre de aftosa sem vacinação, não teremos mais embargos desse tipo." Antônio Jorge Camardelli, presidente da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne.
"Mais uma vez, a imagem da carne brasileira ficou arranhada. Pelo fato de ser proibida a importação não pelo aspecto comercial, mas pelo sanitário, isso cria uma imagem negativa. Os EUA são uma vitrine para o mundo. Isso pode ter um impacto duplo: redução da quantidade exportada e do preço do produto brasileiro." José Augusto de Castro, presidente da Associação de Comércio Exterior do Brasil (AEB).
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia