Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 29 de junho de 2017. Atualizado às 23h01.

Jornal do Comércio

Viver

COMENTAR | CORRIGIR

televisão

Notícia da edição impressa de 30/06/2017. Alterada em 29/06 às 16h56min

Comédia brasileira

Sequência de Minha mãe é uma peça estreia neste sábado

Sequência de Minha mãe é uma peça estreia neste sábado


GLOBO FILMES/GLOBO FILMES/DIVULGAÇÃO/JC
Paulo Gustavo está de volta no papel de Dona Hermínia em Minha mãe é uma peça 2, sábado, às 22h, no Telecine Premium. Desta vez rica, a personagem superprotetora vai ter que lidar com o ninho vazio, afinal Juliano e Marcelina resolvem criar asas e sair de casa. Para balancear, Garib, o primogênito, chega com o neto. E ela também vai receber uma longa visitinha da irmã Lucia Helena, a ovelha negra da família, que mora há anos em Nova Iorque. Nos cinemas, o longa ultrapassou os R$ 118 milhões arrecadados em bilheteria e a produção brasileira de maior renda, além de se tornar a primeira comédia a conseguir mais de R$ 100 milhões.
Naomi Watts estrela e assina Gypsy, nova produção original da Netflix. Neste suspense psicológico, a terapeuta Jean Holloway tem uma vida aparentemente neutra até começar a desenvolver relacionamentos íntimos e ilícitos com as pessoas que fazem parte da vida dos seus pacientes. Os 10 episódios estão disponíveis no catálogo do serviço de streaming a partir desta sexta.
Jamie Foxx protagoniza a biografia Ray. O longa conta a vida do músico Ray Charles que fica cego aos 7 anos após testemunhar a morte acidental de seu irmão mais novo. Inspirado por uma dedicada mãe independente, Ray encontrou seu dom em um teclado de piada e ganha fama quando incorpora o gospel, country e jazz. Sexta, às 20h, no Studio Universal.
Ao abrir os olhos André Luiz sabe que não está mais vivo, apesar de ainda sentir sede e fome. Ao seu redor ele apenas vê uma planície escura e desértica, marcada por gritos e seres que vivem na sombra. Após passar pelo sofrimento no purgatório, André é levado para a cidade de Nosso Lar. Lá ele tem acesso a novas lições e conhecimentos, enquanto aprende como é a vida em outra dimensão. Nosso lar, sexta, às 22h, no Canal Brasil.
Baseado na vida do bailarino Pierre Dulaine, o longa Vem dançar é protagonizado por Antonio Banderas. Na trama, o professor de balé Dulaine decide dar aulas gratuitas aos alunos mais problemáticos das escolas de Nova Iorque e acaba tornando-se mentor dos adolescentes. Junto com eles, cria uma dança de salão combinada ao hip-hop e os convence a participar de um concurso. Sexta, às 22h, na HBO.
Na comédia Já estou com saudades, Drew Barrymore e Toni Collette vivem duas mulheres com uma forte amizade recebem notícias que mudarão suas vidas para sempre; enquanto uma é diagnosticada com câncer de mama, a outra descobre que está grávida. Embora ambas as notícias sejam impactantes, elas terão uma a outra para se apoiarem e enfrentarem as situações juntas. Sábado, às 22h, na HBO.
Um assalto a um jogo de pôquer ilegal, cujos participantes eram integrantes da máfia, abala o submundo do crime. O matador profissional Jackie Coogan é contratado para investigar o caso, já que os chefões da máfia desejam que os responsáveis sejam punidos. Entretanto, a hesitação de alguns dos participantes coloca a situação ainda mais fora de controle. Homem da máfia, com Brad Pitt e Ray Liotta, domingo, às 22h, no Cinemax.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia