Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 08 de junho de 2017. Atualizado às 15h16.

Jornal do Comércio

Automotor

COMENTAR | CORRIGIR

Lançamento

Notícia da edição impressa de 02/06/2017. Alterada em 08/06 às 15h21min

Com Argo, Fiat quer quebrar o estigma de não produzir carros premium de sucesso

Argo é o novo hatchback compacto da montadora italiana

Argo é o novo hatchback compacto da montadora italiana


FCA/DIVULGAÇÃO/JC
Com seu novo hatchback compacto, a Fiat quer quebrar o estigma de marca que não consegue produzir carros premium de sucesso no Brasil. O Argo é fruto de um grande investimento da Fiat Chrysler Automobiles (FCA) na modernização do Polo Automotivo de Betim (MG), com foco na excelência construtiva. Mais do que isso, o Argo representa um novo ciclo de renovação na gama Fiat, depois de a marca apostar em segmentos nos quais ainda não estava presente, como o de picapes maiores, com a Toro, e subcompactos, com o Mobi.
Compacto por fora e espaçoso por dentro, o Argo chega ao mercado brasileiro bem equipado e com acabamento superior. No design, revela equilíbrio nas proporções, elegância e esportividade.
Na parte frontal, o capô longo e volumoso demonstra imponência. Os faróis que invadem a lateral são biparábola, com guias de LED. A grade é rica em detalhes.
A parte inferior reforça visualmente a largura do veículo com as tomadas de ar inseridas nas extremidades do para-choque. As caixas de roda são proeminentes, e uma linha de cintura bem definida contorna toda a carroceria.
Na traseira, as lanternas exibem formato em "C", apontando para o centro da tampa do porta-malas. O para-choque esportivo, com extrator incorporado, enfatiza o dinamismo do Argo.
Internamente, o novo Fiat apresenta um painel composto de três níveis, com elementos envolventes. A adoção de um sistema multimídia com tela de sete polegadas, de aspecto "flutuante", se destaca.
O quadro de instrumentos traz display digital de 3,5 polegadas, que usa a tecnologia TFT para alta definição de imagens. Nas versões top de linha, a tela mede sete polegadas.
O console central tem layout específico para cada tipo de câmbio, além de oferecer fácil acesso à porta USB e à entrada auxiliar. Aos passageiros de trás está disponível mais uma entrada USB, capaz de fazer inclusive transferência de dados.
O painel de portas possui apoia-braço recoberto em tecido integrado ao puxador. Os bancos entregam maior conforto enquanto o volante multifuncional, de inspiração esportiva, concede empunhadura mais grossa, apoio para os polegares, base achatada e faixa central no segmento superior.
O Fiat Argo possui o maior habitáculo do segmento, com 2.806 litros de área, e o espaço para cabeça, joelhos e cotovelos é amplo. O porta-malas de 300 litros com formato retangular pode ser consideravelmente expandido com o rebatimento dos bancos traseiros bipartidos.
Os engenheiros da marca fizeram um trabalho cuidadoso de isolamento acústico no Argo, que consegue os mais baixos níveis de ruído da categoria em qualquer condição de uso e tipo de medição: rolamento dos pneus, ruído de vento e índice de articulação.
Quase toda a carroceria do novo modelo emprega aços de alta resistência. Na comparação com o Punto, ao qual substitui, o Argo obtém aumento de 7% na rigidez torcional e de 8% na rigidez flexional, o que resulta em maior segurança e estabilidade.
O Argo será vendido pela Fiat em sete versões, combinado três opções de motores (1.0, 1.3 e 1.8), três de câmbio (manual, automatizado e automático) e três de acabamento (Drive, Precision e HGT). Há ainda uma série especial de lançamento, batizada de Opening Edition Mopar, limitada a mil unidades, que custará R$ 75.200,00.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia