Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 07 de maio de 2017. Atualizado às 16h14.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

relações internacionais

Alterada em 07/05 às 16h14min

Pelo Twitter, Temer parabeniza Macron

Poucos minutos após a divulgação de estimativas de boca de urna apontando a vitória de Emmanuel Macron nas eleições presidenciais da França, o presidente Michel Temer utilizou suas redes sociais para congratular o candidato centrista.
"Brasil e França continuarão a trabalhar juntos em favor da democracia, dos direitos humanos, do desenvolvimento, da integração e da paz", escreveu Temer, em sua conta no Twitter. Segundo a pesquisa boca de urna feita pelo instituto Elabe para a BFMTV, Macron recebeu 65,9% dos votos no segundo turno da eleição presidencial francesa, enquanto a candidata de extrema-direita Marine Le Pen obteve 34,1% dos votos.
Apesar de os resultados oficiais ainda não terem sido divulgados, Le Pen já admitiu a derrota no pleito deste domingo. Em pronunciamento, a candidata afirmou que a disputa entre esquerda e direita está ultrapassada e, agora, passará a se organizar no confronto entre "patriotas" e "globalistas". Le Pen ainda prometeu formar a "maior força de oposição" ao novo presidente.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia