Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 31 de maio de 2017. Atualizado às 12h05.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

Estados Unidos

31/05/2017 - 11h03min. Alterada em 31/05 às 12h06min

Trump deve retirar EUA do acordo do clima de Paris, diz membro da Casa Branca

O republicano anunciou no Twitter que a sua decisão sobre o Acordo de Paris será divulgada nos próximos dias

O republicano anunciou no Twitter que a sua decisão sobre o Acordo de Paris será divulgada nos próximos dias


DREW ANGERER/AFP/JC
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, deve retirar os Estados Unidos do Acordo do Clima de Paris, afirmou hoje (31) um funcionário da Casa Branca, confirmando assim um movimento que deve irritar aliados após anos de negociações sobre o tema. No entanto, o anúncio deve vir com "ressalvas", deixando aberta a possibilidade de que a decisão não seja final, de acordo com essa mesma pessoa, que pediu anonimato.
Esta manhã, o republicano utilizou sua conta no Twitter para falar sobre o tema. "Eu anunciarei minha decisão sobre o Acordo de Paris nos próximos dias. "VAMOS FAZER A AMÉRICA GRANDE NOVAMENTE!"
Cerca de 200 nações, incluindo os EUA sob o governo de Barack Obama, concordaram em 2015 em reduzir voluntariamente suas emissões de gás estufa em um esforço para combater as mudanças climáticas. A retirada da maior economia do planeta deixaria Washington alinhada com apenas com a Rússia entre as economias industriais que rejeitaram o pacto. 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia